• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 09/05/2017

    A escolhida, de Amanda Ágatha Costa (resenha)

    Olá, leitores!

    "A escolhida" foi escrito pela Amanda Ágatha Costa, publicado pela editora Arwen em 2015 e contém 369 páginas (dados retirados do e-book, pode haver mudanças em relação ao livro físico). Este foi o primeiro livro com o tema anjo que li, então estava ansiosa para conhecer a temática.
    A protagonista da obra, Ariali, ou apenas Ari, como prefere ser chamada, é um anjo, mas não um bondoso como costumamos conhecer. Ela tem um lado mau e costuma sentir prazer em matar, por isso é banida do céu.

    - Você é uma banida, afinal. Não sei como não notei antes. Deveria saber que os integrantes da sua espécie não são capazes de hipnotizar determinadas criaturas. Vampiros estão incluídos nesta lista.
    Foto: arquivo pessoal

    Um dia, em uma de suas caçadas rotineiras, ela é sequestrada e levada para um círculo, uma espécie de sociedade de feiticeiros, liderado por Egran, um poderoso feiticeiro que a obriga a cumprir tarefas para ele. Caso fracasse, ela morre. 

    A vida no círculo pode ser agradável se você aceitar que ela seja.
    É neste círculo que ela conhece Luke, com o qual desenvolve um romance; devo ressaltar que é uma história bem trabalhada pela autora e que nos encanta e faz torcer pelo casal. O que nos fascina é a personalidade diferente dos dois: Ari é explosiva e teimosa e o Luke, calmo.

    Não tenho família, nem imagino de onde venho. Matar é o meu maior desejo e o único que não deixo de colocar em prática. [...] Sou o nada e o tudo, o perdão não é acumulado em minha carne e as emoções não invadem o meu coração. Sou a própria rocha.

    Foto: arquivo pessoal

    Um dos pontos altos da obra é o fato dos personagens serem muito bem desenvolvidos e humanizados, ou seja, todos eles têm qualidades e defeitos, não são 100% maus ou bons. Devo ressaltar aqui a nossa protagonista que mesmo sendo anjo, conseguimos nos identificar com ela.
    Além disso, o ambiente e a história são bem desenvolvidos, porém, por algum motivo inexplicável, não conseguiu prender a minha atenção. Já vi vários comentários dizendo que leu rápido porque não conseguia parar de ler, bom, não foi o meu caso, talvez não estivesse na "vibe de ler fantasia" no dia. Mas concluo dizendo que é uma história muito bem desenvolvida e recomendo.
    Já leram? Gostaram? Pretendem ler? Comentem.

    Um comentário:

    1. Adorei saber de um livro de Anjo, com características "comuns". Sem ser "seres perfeitos, soberanos" etc. Adorei a dica e a resenha!
      Beijos
      http://www.aquelaepifania.com.br/

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo