• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 21/03/2017

    Leitora ou compradora compulsiva de livros?

    Olá, leitores!

    Após fazer a postagem de livros novos na estante reparei o óbvio: compro muito mais livros do que leio, então comecei a refletir mais sobre isso, analisando a minha estante repleta de livros não lidos. Por que os comprei? Vamos a algumas situações:
    O Submarino me manda e-mail de uma promoção de leve três livros pague dois e eu olho a lista de obras na promoção e só me interessei por uma. Resultado: levo mais duas que nem queria tanto assim para ter a falsa sensação de ter levado uma de graça. Mas se for analisar, só levar a que eu queria, sairia bem mais em conta. Pior que nem li aqueles outros dois livros que levei para aproveitar a promoção. Outra destas: três livros por R$ 30, acabo levando três juntinhos do John Green e até agora não li nenhum deles. Aí, caro leitor você pode estar pensando: "mas estes livros você realmente não tinha interesse em ler!", e o que falar de "Cartas de amor aos mortos"? Comprei porque li várias resenhas elogiando e quando chegou simplesmente perdi a vontade de ler, e está lá parado na estante. Deve ser por isso que me identifico tanto com a Becky Bloom ou até a Darla, entrando na livraria desesperada para comprar um romance porque levou um fora.

    Créditos: Buena Vista/Disney
    Ainda olhando a minha estante repleta de livros aguardando para ser apreciados, reparo que há títulos para todos os gostos: desde fantasias até biografias, que nem me agrada o gênero, mas me teimei em comprar, também noto que há livros que comprei na Bienal, há anos atrás, e não li. Sem falar os e-books no Kindle, em sua maioria pego de graça ou muito barato (R$1,99) o que pelo menos não causa prejuízo financeiro ou ocupa mais espaço na estante, mas me pego pensando em quando vou ler tantos livros comprados.
    Bom, por que escrevo tudo isso aqui? Primeiro porque quero me comprometer a ser mais leitora do que compradora de livros, isto é, ler mais o que está na estante do que comprar livros. E, na certeza de que não estou sozinha nessa "síndrome de Becky Bloom", fazer vocês refletirem acerca do tema.
    Vocês compram mais do que leem? Se deixam levar por promoções também? Comentem.

    2 comentários:

    1. Tainan, Cartas de amor aos mortos é maravilhoso, eu pelo menos achei. E não tenho esse problema pq quase não compro pela internet. Na verdade, é raríssimo eu ir na livraria e comprar um livro que nunca ouvi falar. Geralmente eu só compro os que li ebook e gostei ou que já ouvi falar e to ansiosa pra ler sabe? Então na minha estante tem muitos, mas são só aqueles que não desapego por nadaaaa porque amei... enfim hehehe um bjoo

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Vou ver se me animo a ler "cartas de amor aos mortos", na época gostei muito da sinopse.

        Excluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo