• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 04/11/2016

    Minha paixão por chick lits

    Olá, leitores!

    Minha amiga Helena do Leituras e Gatices sempre fala que eu gosto de livros felizes, acho que ela tem razão. De fato, gosto de livros que me fazem dar risadas, distrair dos problemas, enfim, puro entretenimento. Mas em geral, sou "de lua", tem horas que quero ler uma fantasia, as vezes um suspense e de vez enquanto um bom chick lit.
    Minha paixão por eles surgiu com "O chá de bebê de Becky Bloom", sim, o 5º livro da saga, estava na biblioteca do colégio, ainda no ensino médio, quando vi a capa, até então não sabia que era uma saga, até porque não havia os outros volumes no local (acredito que o exemplar tenha vindo de doação). Acredite, eu li e entendi a história, só anos mais tarde fui ler os demais volumes em ordem. 
    Também gosto muito da Marian Keyes, que por sinal tem o poder de transformar algo que deveria ser dramático em humor, como é o caso de Melancia, o primeiro livro que li da autora. Conta a história de uma mulher que abandonada pelo marido assim que ganhou neném (por isso a referencia a Melancia, ela estava gorda por conta da gravidez) e isso fica muito hilário.

    Foto: arquivo pessoal

    Vamos aos motivos  de porque sou apaixonada por chick lit: 

    1º Me identifico com as personagens:

    Considerado que os livros tem como público-alvo as mulheres, acredito que a maioria também se identifique, já que são escritos em 1ª pessoa, assim nos sentimos mais próximas das protagonistas. Voltando a Becky Bloom, viciada em compras, acompanha moda e marcas. Eu adoro comprar, não que gaste horrores como a Becky, mas de fato em um dia estressante você se presentear comprando algo que goste ajuda. 
    Já a Darla de "Um novo amor à vista" levou um fora do namorado e entra desesperada em um livraria para comprar um livro para se distrair. Me identifiquei!

    2º As listas:   

    Adoro as listas que as personagens fazem nas obras, são hilárias, deixando bem claro que me refiro as listas que tenham relação com o enredo e contribuem com as histórias dos personagens (já vi listas aleatórias soltas em livros, affs). Em um "Temporada de caça: aberta" temos a seguinte lista:

    Como se recuperar de uma Separação:

    1. Compre botas pretas de couro e salto alto.
    2. Corte o cabelo num novo estilo. Descubra um salão de beleza extravagante, onde lhe sirvam café e os gays fiquem dizendo que você tem o cabelo mais deslumbrante que eles já viram.
    3. Ligue para uma amiga a fim de que possa falar sobre o quanto sente falta do seu ex para que possa lembra-la de todas as  vezes em que o dito-cujo a irritou, enquanto admite que jamais o achou belo ou atraente, que você pode conseguir coisa melhor, que ele era desprezível, que tinha um cheiro estranho etc. [...]
    4. Ligue para amigos do sexo masculino para que eles possam lembra-la do quanto é desejável. Não faça bobagens com esses amigos. Você precisará deles durante alguns meses, depois da separação.
    5. Compre biscoitos de chocolate e/ou uma caixa com barras de chocolate tremendamente finas e caras, com vários recheios diferentes, e coma a caixa e/ou pacote de biscoitos.


    Considerando que Jackie, a protagonista, acabou de levar um fora do namorado, a lista contribui com o enredo e se formos analisar, pode fazer algum sentido. Além de ser hilária.



    3º Você tem a sensação de que mais alguém já passou por isso além de você:

    Quem nunca sofreu uma desilusão amorosa? É interessante ler os pensamentos de alguém (mesmo que fictício) a respeito de uma situação semelhante que você já viveu e ver as diferentes reações. Às vezes o livro é tão bem escrito que tenho vontade de aconselhar a personagem.

    Para você, que como a Helena do início do post, quer começar a ler livros felizes, indico:

    Fiquei com o seu número (Sophie Kinsella);
    Um novo amor à vista (Claúdio Quirino);
    Melancia (Mariam Keyes)

    Costumam ler chick lit? Quais me recomendam? Comentem.

    7 comentários:

    1. Li dois livros desse estilo OS Delírios de Consumo de Becky Boom e Procura-se Um Marido da Carina Rissi, gostei bastante e quero me aventuras mais nesse estilo. Já tinha ouvido falar dos livros que você indicou, vou ver se consigo ler algum ano que vem.

      ResponderExcluir
    2. Também sou bem de lua com os livros haha. Tempos atrás eu estava aloka por Bel Pesce, e hoje tô lendo milhares de livros sobre psicopatas e serial killer.
      ps: sempre me recuperei de separações e problemas cortando ou pintando os cabelos kkkk

      Beijos, www.agentejunto.com.br

      ResponderExcluir
    3. Boa noite flor, como vai?
      Ainda não conhecia esses livros, nem a autora, mas gostei bastante da dica, já que o tempo está bem corrido, mas gostaria sim de ler os livros, pois achei bem interessante.
      beijos e sucesso!

      ResponderExcluir
    4. Nunca ouvi falar nesse nome/nesse tipo de livro. Creio que nunca tenha lido nenhum nesse estilo e olha aue leio muito. Meus preferidos são os romances, estou agora com Como eu era antes de você e Depois de você ❤

      www.compondoestilo.com.bf

      ResponderExcluir
    5. Já ouvi falar muitíssimo bem sobre os livros da Sophie Kinsella, principalmente o "fiquei com seu número". Sou louca para lê-lo. Espero que seja num futuro bem próximo, quem sabe com o black friday chegando por aí né?! rs

      http://nuwemfeminina.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    6. Oi, Tainan!
      Haha, você e eu somos bem o oposto em relação a livros, né? Eu sempre gostei de livros que mostram realidades bem diferentes da minha, eu me considero uma pessoa feliz, mas gosto de protagonistas que sofrem. Acho que o sofrimento é uma forma de conhecer a essência das pessoas. Bem, não sei explicar direito porque gosto tanto de drama, mas tô de olho para ler Melancia, sim, obrigada pela dica.

      Beijinhos, Hel. Leituras & Gatices

      ResponderExcluir
    7. Olá
      Eu também gosto bastante de chick-lits, por quase os mesmos motivos que você. Tem muitos que ainda quero ler e outros qeu preciso reler, como os livros da Marian Keyes.
      Beijos


      Vidas em Preto e Branco

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo