• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 05/01/2016

    Poema: Amo você

    Olá leitores,

    Resolvi voltar com os poemas no blog, estavam sentindo falta deles? O dessa postagem foi tirado do livro "Coisas do coração" da autora Joana Amorim, o qual terá resenha aqui no blog em breve.

    Amo você
    (Joana Amorim)

    Amo você quando acordo
    E quando vou me deitar.
    Amo você quando fecho os olhos
    E também quando os abro.
    Amo você pela manhã
    E também quando chega à noite.
    Amo você por tudo
    E também por nada.
    Amo você sem sentido
    Mas por algum motivo.
    Amo você pelo que é
    E pelo que pode ser.
    Amo você por estar aqui
    E também quando está longe.
    Amo você por amar
    E por ser você especialmente,
    A melhor coisa que aconteceu por eu amar.

    Achei esse poema de amor muito lindo e carregado de sentimentos. O que acharam? Comentem. 

    4 comentários:

    1. Eu quase nunca leio poemas, mas concordo com você, esse é cheio de sentimento. Adorei!
      Beijo

      http://canastraliteraria.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    2. SABERÁS que não te amo e que te amo
      posto que dois modos é a vida
      a palavra é asa do silêncio,
      o fogo tem uma metade de frio.

      Eu te amo para começar a amar-te,
      para recomeçar o infinito
      e para não deixar de amar-te nunca:
      por isso não te amo todavia.

      Te amo e não te amo como se tivesse
      em minhas mãos as chaves da fortuna
      e um incerto destino desditoso.

      Meu amor tem duas vidas para amar-te.
      Por isso te amo quando não te amo
      e por isso te amo quando te amo.
      Pablo Neruda (XLIV – Cem Sonetos de Amor)

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo