• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 16/12/2015

    Memórias Proibidas (Resenha)

    Olá leitores,

    O livro aborda  problemas comuns na vida
    de uma forma leve, como se personagem
    e leitor estivessem conversando informalmente. 
    A resenha de hoje é do livro Memórias Proibidas, de Paulo Martins Filho. Lançado pela Chiado Editora
    este ano, o livro conta a história de Lorenzo Bianchi, um administrador de empresas que dirige a construtora de seus pais, que morreram quando ele era criança.
    Bastante focado no trabalho, Lorenzo se dedica pouco à sua vida pessoal. Por conta disso, uma noite, um dos amigos dele, Marcelo, praticamente o obriga a sair para se distrair.
    Nessa noite ele conhece Ana, uma mulher diferente das que ele está acostumado a conviver e, a partir de sua história, ele começa a contar sobre outras mulheres que passaram por sua vida e as marcas que elas deixaram: Thaís, Júlia, Cristina e Sophia.
    Ao ver capa, a sinopse e o título, eu imaginei que esse livro fosse mais ou menos parecido com 50 tons de cinza. Mas, quando comecei a ler eu percebi que esse livro, embora toque sutilmente no assunto dominação, não tem praticamente nada a ver com 50 tons. 
    Diferente de E.L. James, o autor de Memórias Proibidas abordou mais o lado psicológico do impacto que cinco mulheres bem diferentes tiveram na vida de Lorenzo, explicando porque ele se dedicava tanto ao trabalho e pouco fazia questão de ter um relacionamento sério.
    No fim do livro o autor inclusive fez um capítulo à parte para tratar ainda mais das reflexões de Lorenzo, mostrando mais claramente o que ele tirou de bom das experiências pelas quais passou e mais detalhes de como estava sua vida agora.

    Vocês já leram o livro? Pretendem ler? Me contem nos comentários 

    6 comentários:

    1. Eu não curto muito romances, sou mais de terror, suspense, policial...
      Mas gostei da resenha.
      Beijos
      Claquete Rosa

      ResponderExcluir
    2. Lindaaa... Adorei seu blog. Uma amiga leu esse livro e disse que era ótimo, e lendo sua resenha me deu mais vontade de ler ainda. Vou ter que ler hahahaha... Beijo linda
      www.lalasantos.com

      ResponderExcluir
    3. Já quero esse livro. Tu tem o dom de deixar todo mundo ler as coisas que tu resenha hahaha beijo

      ResponderExcluir
    4. Olá, Tainan!
      Eu não curto muito livros desse gênero, mas achei interessante você falar que a autora deu mais importância para os aspectos psicológicos do personagem.

      Passei pra avisar que te marquei na TAG Frases de Mãe, lá no LPL. Passa por lá pra poder ver minhas respostas, e não deixe de responder também! http://loucura-por-leituras.blogspot.com.br/2015/12/tag-frases-de-mae.html

      ResponderExcluir
    5. Não sou a maior fã de romances, mas esse me interessou. Quando vi a capa pensei em 50 tons/todos os romances eróticos, que não tenho paciência, mas é sempre bom conhecer novas leituras!!!

      Beijos,
      www.notavelleitura.blogspot.com

      ResponderExcluir
    6. Oi Deborah!
      Não conhecia o livro, mas também associei a 50 Tons quando vi a capa, rsrs
      Não prendendo ler porque não faz meu estilo de leituras (em geral não curto muito romances).
      Beijos,
      alemdacontracapa.blogspot.com

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo