• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 23/10/2015

    Minha primeira experiência como professora

    Olá leitores,

    Acredito que alguns de vocês já sabem que eu curso Letras com o objetivo de ser professora de português, assim, incentivando a leitura. Então, como estou nas fases finais, iniciei o estágio obrigatório, isto é, comecei a dar aula. 
    Confesso que no começo foi um pouco intimidador, apesar de ter observado algumas aulas, estar no papel do professor não é simples. Não sei se eu era uma aluna distinta ou se os tempos mudaram, mas, de fato, o que eu verifiquei foi que muitas vezes temos que lidar com alunos que não querem aprender ou ouvir o professor. Claro que tem aqueles que se interessam e é pensando nesses que temos que tirar força para continuar a aula. Ainda estou tentando arranjar uma maneira de conquistar a atenção de todos e fazer a minha aula ser interessante. Talvez eu não consiga.

    Foto: We Heart It

    Minhas aulas, embora eu planejasse de forma a ser interessante, nem sempre o que eu gosto, agrada os alunos. Tenho ouvido os mesmos e vendo o que eles gostam e tentando mesclar com o meu conteúdo. Por exemplo: dei contos e eles gostam de humor, vou levar um conto de humor. Tenho pegado conselhos com a professora titular, sei os pontos a melhorar, logo, vou trabalhar para isso. Aliás, é muito importante ter uma professora que te apoia e te cede às aulas dela para você. 
    Se pretendo dar aulas depois que me formar? O que era uma certeza na minha vida, agora virou uma incógnita. Claro que sempre imaginei que dar aulas não era tarefa fácil, porém, não sabia que era tão difícil: é levar trabalho para casa, é sair da escola com dor de cabeça devido ao barulho, é mal comer, pois o recreio é curto. 
    Entretanto, existe uma parte muito boa e gratificante: você reparar que os alunos aprendem, são criativos e escrevem textos maravilhosos. E ver aquele estudante sorrir para você e te dar um abraço de parabéns no dia do professor. 
    Vou deixar umas dicas para quem pretende iniciar nessa área, as quais me ajudaram:

    • Leve sempre uma garrafinha de água. Acredite, professor fala muito. 
    • Planeje muitas atividades para a aula. Os alunos podem terminar rápido e você ficar sem o que fazer.
    • Tenha sempre um plano B, uma atividade alternativa caso a primeira não dê certo. 
    • Se não der tempo de fazer tudo que você planejou, não se fruste. Acontece. 
    Queria aproveitar para agradecer à escola, à professora e a todos os alunos pela oportunidade de me fazer crescer pessoalmente e profissionalmente. 
    Vocês têm alguma dica para eu melhorar? O que acham da profissão de ser professor? Comentem. 

    21 comentários:

    1. Oi, Tainan. Adorei, adorei, adorei teu post. O engraçado é que com você aconteceu o contrário do que aconteceu comigo: antes de de fato dar aulas, eu tinha certeza de que não queria ser professora, agora, depois da experiência do estágio, estou vendo o magistério com outros olhos. Eu estou gostando muito da experiência.
      Sobre as dicas que você deu, realmente é bem assim: muita água e planejamento, planejamento, planejamento... hahaha.

      Beijinhos, Hel.
      http://leiturasegatices.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que bom. Vamos ver como eu fico após o estágio do médio, quem sabe eu lide melhor com os alunos maiores. Hoje iniciei o de inglês, turma pequena, foi mais fácil. E mais planejamento rsrs

        Excluir
    2. Oi Tainan,
      Ai que post bacana! ♥
      Primeiramente, quero parabenizar você pela escolha da profissão. Dificuldades existem em qualquer situação e com o tempo, vão melhorando.
      Fiquei imaginando você na sala de aula e, depois, me imaginando. Também estou cursando Letras, mas ainda estou na segunda fase, ainda não comecei a estagiar. Sonho com esse momento!
      Obrigada pelas dicas, certamente vou me lembrar delas quando chegar a minha vez.
      Te desejo muito sucesso!
      Beijão - Historiar

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Espero que as minhas dicas desse post te ajudem de alguma maneira, boa sorte com o estágio e a faculdade. Tais gostando? Pretende dar aula de que matéria?

        Excluir
    3. Ameei, são dicas realmente essenciais! Quando comecei a dar aula aprendi tudo isso na marra. Lembro me que planejei o primeiro dia em todos os detalhes e no fim eles terminaram de fazer tudo rápido demais e tive que improvisar. Hoje tenho sempre esse plano B. Fora que muitas vezes planejo uma coisa e acabo fazendo outra completamente diferente. Apesar dos impecilhos é uma profissão maravilhosa! É realmente gratificante vê-los aprendendo e compartilhando aprendizado. Nunca imaginei que seria professora e hoje sou apaixonada <3

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Muito obrigada por essas palavras Lorena, me animaram muito *o*. Espero um dia me apaixonar assim pela profissão e pode falar tudo isso para alguém que está começando assim como eu. Estou seguindo com o estágio e aprendendo cada dia mais, testando atividades com as turmas e vendo o que dá certo e o que tenho que adaptar.

        Excluir
    4. Que legal! Não pretendo ser professora, mas com certeza é uma profissão que eu admiro e respeito muito.

      Beijos, Nat

      wanderlust-girls.blogspot.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que bom Nathália, por mais pessoas como você nesse mundo.

        Excluir
    5. Oi Flor !!!
      Eu sigo seu blog e indico pra todo mundo!
      Vou Fazer pedagogia .Era pra estra terminando adm(MAIS AQUELE MOMENTO QUE VOCÊ NÃO SE VÊ NAQUELE DEVIDO AMBIENTE) pois é Pedagogia sempre foi a minha primeira opção, mais por pressão dos meus pais acabei fazendo ADM.
      Bom mais o fato que agora vou começar a Fazer pedagogia . Creio que não esteja tarde.Tenho 28 anos e quero muito isso !
      Adorei seu post e nossa Não posso imaginar como o primeiro dia deve ter ficado tímida . Me faz lembrar aquela sensação de apresentar o Tcc ou os grandes seminários !
      Pode parecer loucuras pra alguns , mais pra mim seu post foi um GRANDE ENORME GIGANTESCO incentivo para que eu comece ano 2016 fazendo minha tão sonhada área de estudo .
      Parabéns pelo blog que é muito fofo !!
      beijocas da mais nova fã
      Tita *--*

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Muito obrigada *o*
        Não está nenhum pouco tarde para correr atrás dos seus sonhos. Fiquei bem tímida mesmo, mas sinto que to me soltando um pouquinho mais a cada dia com os alunos e melhorando cada vez mais. Claro que sei que ser professor é um constante aprendizado.
        Pedagogia sempre achei que é um desafio imenso, alfabetizar alguém é uma responsabilidade enorme. Acho que meu caminho é com os maiores. Te desejo boa sorte na sua caminhada. Tenho certeza que vai dar certo.
        Muito obrigada pelo carinho, são palavras como as suas que me fazem continuar postando aqui.

        Excluir
    6. Segue meu blog flor , não sou muito de publicar minhas coisas . mais de vez em quando eu faço isso (RISOS) .
      beijocas e mais uma vez Parabéns !!

      tatapeacelove.blogspot.com

      ResponderExcluir
    7. Eu cursava letras, mas infelizmente precisei trancar. Já dei aula e foi bem tenso, você encontra alunos de todos os tipos. Fui substituir a minha prima e segui todas as instruções mas alguns alunos não facilitaram muito. Então, é como você disse, tem que ter um plano B ou C, pois às vezes as coisas não saem exatamente como planejado.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Um pouco antes de começar a estagiar fui substituir uma professora, ela deixou filme e era só eu cuidar dos alunos. E adivinha? A sala de vídeo tava ocupada, tive que ficar jogando forca com os alunos porque não tinha planejado nada. Moral da história: aprendi na marra a ter um plano B. Agora sempre trago várias atividades para o estágio. :D

        Excluir
    8. Oi Tainan! Eu sou professora de Ensino Fundamental e realmente não é muito fácil... Lidar com o desinteresse dos alunos é sim a parte mais difícil da nossa profissão. Sofremos com a desvalorização crescente a cada dia. Somos oprimidos pelo governo, cumprir meta atrás de meta, sem sequer ter as mínimas condições de trabalho... Enfim... São tantas coisas para falar... Mas sabe de uma coia? Eu amo a profissão que escolhi e penso que se eu conseguir fazer a diferença na vida de apenas uma criança, já cumpri minha função. Um grande abraço e precisando, estamos aí!
      www.cariocabonita.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Espero poder cumprir a minha um dia. As dificuldades da profissão são bem maiores do que eu imaginava, espero que o lado positivo seja maior que elas.
        Pode deixar, que se eu precisar, grito no inbox.

        Excluir
    9. Nossa Tainan, que post lindo! Muito profunda a forma como você descreveu as situações pelas quais passou/está passando. Acho que todo o esforço vale a pena, com certeza é gratificante ver o resultado positivo do seu trabalho! Meus parabéns!

      Beijos!
      http://www.blogleituravirtual.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Muito obrigada Marina, que bom que você gostou. Espero descrever mais experiências aqui :D

        Excluir
    10. Olá Tainan!
      Eu acho essa profissão tão linda e profunda! Afinal, foram os meus próprios professores de português que me indicaram os melhores livros que li e contribuíram pela minha paixão pelos livros. Muito legal a experiência que você está começando e tomara que você esteja sempre satisfeito com a escolha que fez ainda que as dificuldades às vezes nos deixem balançados.
      Parabéns!
      BeiJU!
      Paixão de Leitora | Fanpage

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Os meus também, me inspiro neles para dar aulas. Deus te ouça!
        Muito obrigada *o*

        Excluir
    11. Olá, Tainan

      adorei seu post. Uma amiga, Karen Amaral, me indicou seu blog! Adorei! Muito fofo! E esse post me chamou a atenção devido ao assunto. Sou estudante de Letras também em fase final rsrsrs. Ansiedade é o meu nome rs. Quando comecei a faculdade meu intuito não era dar aulas, no entanto, depois dos estágios obrigatórios, minha visão mudou quanto a isso. Ainda tenho alguns probleminhas com comunicação, eu travo. Eu tenho vergonha de estar ali na frente e realmente, dar aula. Mas eu gosto. Apesar de toda a pressão do estágio e oficinas, foi muito bom ter tido essa experiência. Sucesso!!!

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo