• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 09/03/2015

    Resenha dupla: o chá-de-bebê de Becky Bloom

    Olá leitores,

    Vamos a mais uma resenha dupla no blog, ou seja, a Deborah e eu lemos o mesmo livro e cada uma dará a sua opinião sobre a obra.
    O chá de bebê de Becky Bloom foi escrito pela Sophie Kinsella, publicado pela editora Record no ano de 2013 e contém 509 páginas.
    Esse livro é o 5º volume da série da Becky Bloom, portanto, contém spoilers dos primeiros volumes.

    Para conferir as demais resenhas, clique:

    Foto: arquivo pessoal


    Vamos a sinopse que é comum as duas para não ficar repetitivo: 

    A vida da nossa querida Becky Bloom vai muito bem, obrigada! Além de estar trabalhando numa loja como compradora pessoal, ela e Luke estão a procura de uma casa nova (um lugar bem espaçoso, com  direito a um closet só para guardar os sapatos!) e... BECKY ESTÁ GRAVIDA! Nossa amiga gastadora não poderia estar mais feliz - sobretudo porque descobriu que fazer umas comprinhas é ótimo para enjoos matinais. E tudo tem de estar perfeito para o bebê: a decoração do quarto, o carrinho de última geraçãoe a obstreta mais badalada da cidade. Mas surge um pequeno problema. A doutora famosinhanada mais é que uma ex-namorada de Luke (hummm). Ao que parece, a gravidez de Becky não vai ser assim tããão tranquila...
    Opinião por Tainan

    A Becky por si só já é hilária, imagina grávida. Algo que não foi planejado e que ela não tem conhecimento. Claro, ela conta com a ajuda de sua melhor amiga Suze, a qual é mãe de três crianças. Pela primeira vez, Becky está comprando pensando em outra pessoa e não só nela. Ela não tem noção do que comprar e nem a quantidade, por isso acaba levando uns quatro carrinhos de bebês. Becky, como sempre, quer o melhor. Então, quando sabe da obstetra das celebridades, a qual dá brindes e proporciona chá entre as suas pacientes, logo dá um jeito de conseguir uma consulta. O que ocorre é que a médica, Venetia, é ex-namorada de Luke.

    1. Quais são suas prioridades para o início do trabalho de parto? Penso com força por um momento, depois escrevo: "boa aparência." 2. Como você vai enfrentar na dor nos primeiros estágios ) P. ex.: banho quente, se balançar de quatro.) Estou para escrever "sair para fazer compras" quando o meu celular toca.
    Luke, insuportável como sempre, além de praticamente não se importar com a gravidez da esposa, já que o trabalho vem sempre em primeiro lugar, começa a sair com a ex para jantares de negócios e chegar de madrugada. Becky, é claro, tenta manter a postura de mulher segura e não ciumenta. Porém, as pessoas começam a reparar e alertá-la. Devo ressaltar que nunca gostei do personagem e dessa vez ele se superou. Deixar a esposa grávida para sair com outra? Mesmo que seja a negócios, podia mandar outra pessoa.

    Breve questionário para Luke Brandon: 1. Como você descreveria o relacionamento que teve com sua antiga namorada Venetia? a) romance passional, estilo Romeu e Julieta;    b) relacionamento muito chato; c) na verdade, jamais gostei dela; d) ela me perseguia
    Além disso, Becky ainda tem que lidar com os problemas da loja em que trabalha, visto que não tem clientes, afinal, ela precisa do emprego.
    Como sempre, Sophie tem uma linguagem leve, a qual faz a leitura fluir bem. A autora, como sempre, consegue nos fazer dar risadas e nos identificar com a protagonista e suas loucuras. Apesar do livro ter muitas páginas, sua letra é bem grande, a qual facilita a leitura.

    Opinião por Deborah

    Depois de conhecer sua irmã e se meter em várias confusões na cidade dela, Becky Bloom finalmente descobriu que estava grávida. Embora ter um filho fosse mais vontade de Luke do que dela, já que foi abandonado pela mãe quando era criança, a verdade é que ele não dava a menor atenção pra ela e ainda mentia, deixando-a insegura.
    Além disso, nesse livro, o consumismo de Becky ganha um novo motivo, já que agora ela precisa comprar coisas para o bebê. Entretanto, como ela não tem noção alguma dos artigos indispensáveis para um recém nascido, o que vemos é nossa consumista preferida passando por situações hilárias enquanto tenta preparar o enxoval. Aliás, uma coisa que não gostei é o modo como Luke impõe que o sexo do bebê não deve ser revelado antes do parto, como se não importasse que a esposa quisesse saber, só a vontade dele.
    E para complicar ainda mais a vida de Becky, ao resolver ter seu filho com a obstetra mais badalada da cidade, ela descobre que a médica é simplesmente uma ex-namorada de Luke. Bonita, em forma e parecendo bem mais adequada para o marido de Becky, Venetia Carter passa a tentar desestabilizar a protagonista de todas as maneiras que consegue, insinuando de várias formas que está tendo um caso com Luke e que ele irá viver com ela assim que o bebê nascer.
    Paralelo a tudo isso, Becky e Luke ainda precisam encontrar um lugar para morar com urgência, já que venderam o antigo apartamento deles sem ter comprado uma casa nova antes.
    Embora eu tenha gostado de O Chá de Bebê de Becky Bloom e tenha achado várias situações simplesmente hilárias, não gostei do final desse livro, pois não fiquei com a sensação de que tudo estava resolvido e também me decepcionei com uma coisa que acabará sendo importante na trama do próximo livro.

    Vocês já leram esse livro? Gostaram? Já leram a série da Becky? Comentem.

    12 comentários:

    1. Olá,
      Estou adorando saber mais dessa série. Parece realmente hilária.
      Eu vou comprar ainda o primeiro livro, mas quero todos eles logo na minha estante hahaha...
      Beijos amiga.

      http://www.leituradelua.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Compra sim amiga, vale muito a pena, depois me diz se gostou ou faz resenha no blog que eu olho :D

        Excluir
    2. Acho que ela deveria acrescentar mais sentimento a gravidez, nem uma mulher continua a mesma quando esta grávida. Mas continua divertido.
      Sexo, Fraldas e Rock'n Roll

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Realmente Paola, não notei diferença na Becky grávida, simplesmente continuou a mesma Becky de sempre.

        Excluir
    3. Como todos os livros da autora, esse parece fantasticamente divertido! Adorei muito a resenha, parabéns!
      Estou louca pra ler!
      Beijos, Tabatha
      http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Adoro os livros da autora, tenho que comprar outros. Obrigada :D

        Excluir
    4. Oi! Nossa, li esse livro há tanto tempo que nem me lembrava da história (tinha até me confundido e achado que não tinha lido, mas li). Realmente, o Luke vacilou com a Becky em vários momentos, ele sempre se preocupava com a imagem dele na empresa, sem falar que não era lá muito presente. Mas isso foram coisas que eu percebi depois, antes achava até que ele era um cara legal. Os delírios da Becky são demais, lembrei agora dela falando das mães famosas/ricas e me deu muita vontade de reler, pois esse livro é muito bem-humorado. Parabéns pelo post, adorei a resenha dupla.
      http://www.thaisnacidade.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Eu não gosto dele, acho que a Becky merecia algo melhor, mas infelizmente não vimos nenhum personagem que se encaixe com a Becky na série, não gosto nem do ex dela kkk
        O livro é hilário :D que bom que gostou da resenha dupla.

        Excluir
    5. Sou apaixonada nos livros de Sophie, desde que li Delírios de consumo na quinta avenida, preciso demais ler o resto, eu sei são muitos, e sua resenha só me deixou com mais vontade de ler. E concordo que o Luke é um perfeito idiota a maior parte da historia.
      http://www.hurricanestars.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. São 6, o Luke é insuportável, se fosse eu já havia deixado ele, credo, não dá valor nem a uma mulher grávida.

        Excluir
    6. Nossa, me decepcionei com o Luke agora, ah não quero ler não, eu fico triste :/
      Amei teu blog e estou seguindo!

      www.byanak.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ele é chato mesmo kkk
        Que bom que gostou Ana Karla, muito obrigada :D

        Excluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo