• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 02/03/2015

    Resenha dupla: a irmã de Becky Bloom

    Olá leitores,

    Quando convidei a Deborah para ser colaboradora do blog comentei de fazermos uma resenha dupla, isto é, nós duas darmos a nossa opinião a respeito da mesma obra. Contudo, não combinamos o livro, pois eu acho que cada uma tem que ler o que quer e o que gosta, mas coincidiu de ler esse livro praticamente na mesma época. 
    A irmã de Becky Bloom é o 4º livro da série, portanto, essa resenha contém spoilers dos primeiros livros da série.

    Para conferir as demais resenhas clique:

    A obra foi escrita por Sophie Kinsella, publicada no ano de 2013 pela Record e contém 475 páginas.

    Foto: arquivo pessoal

    Vamos a sinopse, que vai ser em comum as duas para a resenha não ficar repetitiva:

    Becky achou que casar com Luke seria uma caixinha da Tiffany cheia de felicidade. Mas, honestamente, a coisa não é um sonho como ela esperava. O problema começou na lua de mel, quando contou uma mentirinha pequeninha a Luke, sobre uma comprinha de nada. Agora ela está com o orçamento contado, não tem emprego e, pior de tudo, sua querida amiga Suze tem uma nova "melhor amiga". Becky está na maior deprê quando recebe uma notícia incrível: ela tem uma irmã, há muito tempo perdida, sumida, esquecida! [...] Até que ela tem o maior choque da sua vida. [...] Não é possível que a irmã de Becky Bloom possa... odiar compras!
    Opnião por Tainan 

    Becky tem uma lua de mel de dez meses com Luke, isso mesmo dez meses, a qual eles dão uma volta ao mundo, durante esse período Becky comprou e muito, ela volto a ser muito consumista, aliás não sei porque acreditei que ela ia melhorar, é a Becky!
    Após comprar cinco mesas para casa, Luke resolve controlar o orçamento dela, logo, ela cria estratégias malucas para conseguir dinheiro.
    Quando retorna da lua de mel, nada é como antes, pois sua amiga Suze, tem uma nova amiga, Lulu, a qual tem quatro filhos e ajuda Suze a criar os dela. Então, Becky se sente abatida com isso: desempregada, sem a melhor a amiga, Luke trabalhando como sempre, preciso repetir que não gosto dele?
    Em meio dessa "depressão" ela recebe a notícia que tem uma irmã. Achei válido a forma com que Sophie, coloca a irmã nessa história, foi algo bem amarrado, visto que até então, ela era filha única.
    Achei muito chato e imaturo da parte da protagonista fazer de tudo para ser amiga da irmã, Jéssica. Entendo que ela estava sensível, mas se tornou uma obsessão, se a Jéssica não gosta das mesmas coisas que ela e não quer ser amiga, devia ter deixado para lá. É utopia dizer que só porque são irmãs tem que ser melhores amigas.
    A obra mostrou uma Rebecca imatura, mas ao mesmo tempo hilária:

    O que você faz é manter o cartão de crédito em algum lugar realmente inacessível, tipo engastado no gelo ou costurado no forro da bolsa, para você ter tempo de reconsiderar antes de fazer a compra. Aparentemente essa tática simples pode cortar 90% as compras desnecessárias.
     Sobre a irmã de Becly, a Jéssica, é uma personagem bem trabalhada ao longo do livro, com personalidade própria, a qual se mantém a mesma durante toda a obra.
    Vale ressaltar que a escrita da autora é simples e as letras dos livros são enormes.

    Opnião por Deborah

    Após as várias confusões em que se meteu no livro anterior, quando se viu com dois casamentos marcados para o mesmo dia, Becky Bloom (agora Brandon) passou quase um ano em lua de mel. E agora, precisa lidar com o fato de que todos seguiram com suas vidas enquanto ela estava fora, até mesmo Suze, sua melhor amiga.
    Paralelo a isso, é claro que nossa adorada consumista fez várias dívidas durante a lua de mel, e agora precisa não só arranjar um emprego para poder pagá-las como também espaço para colocar tudo no apartamento de Luke, já que comprou várias coisas sem a menor necessidade. Um dos momentos que mais gostei nesse livro foi quando as comprinhas da Becky chegaram ao apartamento, pois Luke ficava cada vez mais horrorizado e eles não tinham nem onde sentar direito.
    Para complicar mais ainda a volta do casal a Londres, Becky descobriu que tem uma irmã, Jess. Inicialmente isso foi uma alegria tão grande para Becky que ela chegou a ficar obcecada com a ideia de ter uma irmã. Entretanto, ao descobrir que Jess é exatamente seu oposto, várias confusões acontecem.
    Embora a ideia de criar uma irmã para Becky tenha sido legal exatamente por não ser idêntica a ela, acho que a história não precisava ter rendido um livro inteiro, já que em alguns momentos me pareceu arrastada. Mesmo tendo achado legal o livro, esse é o que menos gostei da série.
    Outro fato me incomodou bastante foi o modo como Jess parece fazer questão de ser inimiga da Becky em alguns momentos. Tudo bem, ela não precisa ser viciada em compras, também não precisa deixar de ser mão de vaca (super me identifiquei com ela nesse aspecto rs), mas a autora podia ter pego um pouco mais leve em algumas coisas que Jess diz para Becky.
    Além de todos os problemas com Suze e com a irmã, Becky ainda se vê mais encrencada ainda quando, ao comprar uma bolsa caríssima, acaba devendo um favor a um homem influente, mas que não tem uma reputação exatamente boa. 
    E para complicar mais ainda a vida da protagonista, o homem resolve cobrar o favor pedindo que ela o ajude a conseguir que seu marido o aceite como cliente. Mas é claro que Luke Brandon, do alto de sua arrogância, inicialmente não quer nem ouvir o que Becky tem a dizer e muito menos o conselho de que deveria expandir seu ramo de atuação, tendo como clientes não só gente da área financeira.

    Vocês já leram esse livro? Gostaram? Gostam da série da Becky? Aprovaram a resenha dupla? Me contem nos comentários

    14 comentários:

    1. Oi Tainan e Débora, tudo bem?

      Não li esse livro não, mas pela sinopse e resenha de vocês duas, super me identifiquei coma Jess. Acho Becky meio descontrolada com as compras, e é bom ver alguém no oposto dela.

      Vou procurar um exemplar para ver as confusões das duas tão divergentes.

      beijos :*
      http://www.descomplicandocosmeticos.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A Jess é exatamente o oposto mesmo, ao meu ver até controlada demais. Espero que goste do livro Raissa.

        Excluir
    2. Eu ja li os delírios de consumo de Becky Bloom e tem ate o filme dela também gostei muito a historia é bem facil o livro bem pratico de ler me divertia muito com as condoçoes financeiras, dividas e o dono do banco mandando cartas até me identifiquei bastante com livro sou um pouco consumista mas nem pra tanto. E so o livro irmã de Becky bloom ainda nao conhecia vou procurar pra ler.

      www.eriikaleao.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. É muito divertido, adoro as estratégias dela para se livrar das dividas, o livro da irmã é o 4º da série.

        Excluir
    3. Nossa gente que fantástico Becky conquistou meu coração com as desculpas dela de compras rsrsrsrs, imagina o que ela não faz com essa irmã em rsrsrsrsrs
      Sexo, Fraldas e Rock'n Roll

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ela tem umas desculpas loucas, tudo é investimento kkkkkk

        Excluir
    4. Adorei seu post, e amo a escritora. Li um livro dela e já amei. Espero ler esses em breve.
      Amei seu blog e já estou seguindo. Espero sua visita
      Já sofri demais com esse tipo de amizade, mas na hora a gente nem percebe, só quer se sentir incluído e ter amigos. Depois a gente percebe o que aconteceu, e ai já é tarde.
      Amei seu post e seu blog, e já estou seguindo. Espero sua visita
      Beijos, Tabatha
      http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Adoro a escritora também, pois é uma linguagem bem leve e fácil. Que complicado Tabatha :(
        Que bom que gostou, vou visitar sim :D

        Excluir
    5. Fiquei louca para começar a ler a série agora, sério, no meio do post eu pensei: esse é o incentivo que eu preciso. To adiando faz muuito tempo! Me diverti só lendo vocês contarem as loucuras da Becky hahaha
      Gostei da resenha dupla, não tinha visto ainda, mas é legal ver duas pessoas falando do mesmo assunto, porque né, o que é legal para um pode não ser para outro, assim o leitor pode dar uma ampliada nas opiniões rs.
      Bjk

      http://www.isadoraadora.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que bom que te convencemos a ler a série, espero que goste e se divirta tanto quanto nós lendo os livros.
        Que bom que gostou da resenha dupla, faremos mais dessas :D

        Excluir
    6. Oláaa,
      Eu quero muito ler essa série, morro de vontade, ainda mais por ser da Sophie. Acredita que nunca li algo dela? Por esse motivo que eu fico curiosa, para ver se é bom mesmo. Eu acredito que irei gostar bastante da série, pois faz o meu estilo. Espero ter oportunidade de ler!!!
      Beijos,

      http://our-constellations.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. A escrita da Sophie é maravilhosa, muito fácil de ler. É bem chick list e de mulherzinha, espero que goste tanto quando nós.

        Excluir
    7. cara sempre dou risada de algumas coisas das resenhas dos livros da becky
      nunca li mas quanto mais leio as resenhas aqui mais fico com vontade :)
      tou me aguentando pra ver se consigo ler com o livro fisico e nao em pdf
      adorei a resenha

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Se dá risadas com as resenhas, com livros dará ainda mais, tem partes hilárias, também prefiro ler o livro físico.
        Que bom que gostou.

        Excluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo