• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 08/03/2015

    Poema: A Mulher que Passa

    Olá leitores,

    Primeiramente gostaria de parabenizar as minhas leitoras pelo dia das mulheres, espero que não estejam enjoadas desse assunto pois só se fala disso hoje. Contudo, é algo que deve ser lembrado diariamente com pequenos gestos.
    Decidi homenagear a data com um poema de Vinicius de Moraes.

    A mulher que passa
    (Vinicius de Moraes) 

    Meu Deus, eu quero a mulher que passa 
    Seu dorso frio é um campo de lírios 
    Tem sete cores nos seus cabelos 
    Sete esperanças na boca fresca! 
    Oh! como és linda, mulher que passas 
    Que me sacias e suplicias 
    Dentro das noites, dentro dos dias! 

    Teus sentimentos são poesia 
    Teus sofrimentos, melancolia. 
    Teus pelos leves são relva boa 
    Fresca e macia. 
    Teus belos braços são cisnes mansos 
    Longe das vozes da ventania. 

    Meu Deus, eu quero a mulher que passa! 

    Como te adoro, mulher que passas 
    Que vens e passas, que me sacias 
    Dentro das noites, dentro dos dias! 
    Por que me faltas, se te procuro? 
    Por que me odeias quando te juro 
    Que te perdia se me encontravas 
    E me concontrava se te perdias? 

    Por que não voltas, mulher que passas? 
    Por que não enches a minha vida? 
    Por que não voltas, mulher querida 
    Sempre perdida, nunca encontrada? 
    Por que não voltas à minha vida 
    Para o que sofro não ser desgraça? 

    Meu Deus, eu quero a mulher que passa! 
    Eu quero-a agora, sem mais demora 
    A minha amada mulher que passa! 

    Que fica e passa, que pacífica 
    Que é tanto pura como devassa 
    Que bóia leve como a cortiça 
    E tem raízes como a fumaça.

    Já conheciam? Gostaram? Qual trecho gostaram mais?

    4 comentários:

    1. Eu adoro esse poema! No Ensino Médio tive que fazer um vídeo sobre qualquer poema da Antologia Poética de Vinícius de Moraes e esse foi meu escolhido. Nas cenas usei o episódio Ela Faz Cinema, da minissérie Amor em Quatro Atos (cada episódio era inspirado em uma música de Chico Buarque). Achei que a combinação ficou perfeita!

      Beijos

      http://www.abortoliterario.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que legal que você foi estimulada a ler poesia no ensino médio, eu não fui :(
        Deve ter ficado muito bom o trabalho :D

        Excluir
    2. Admito que no geral eu não sou muito fã de poemas, mas alguns acabam me agradando e me encantando. E eu adorei a escolha desse poema do Vinicius de Moraes, foi uma escolha perfeita para “representar” o dia Internacional da Mulher.
      Bjs e sucesso com o blog!
      http://escritorawhovian.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Tem uns poemas realmente lindos que encantam até quem não tem costume de ler. Muito feliz que tenha gostado da escolha Bruna, também achei ele lindo.

        Excluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo