• início
  • contato
  • parceria
  • blogroll
  • Livros Resenhados

  • 28/01/2015

    Becky Bloom: Delírios de consumo na 5ª avenida (resenha)

    Olá leitores,

    Essa resenha é do 2º volume da série Becky Bloom escrita por Sophie Kinsella, portanto, contém spoilers do primeiro livro da série, para conferir a resenha do primeiro clique aqui.
    A obra foi publicada pela editora Record no ano de 2011 e está na sua 12ª edição e contém 459 páginas, sim, ele é um livro grande. 
    O enredo gira em torno da mudança de Becky para Nova York com o seu namorado Luke, eles vão morar juntos lá, contudo, em um relacionamento recente numa cidade desconhecida, com uma mudança repentina de carreira, agora ela está dando conselhos financeiros em um programa de televisão, Becky atende os telefonas e responde as perguntas dos telespectadores, Becky se vê confusa e perdida.

    Fonte: Google imagens

    Todavia, ela continua sendo a mesma consumista de sempre, ainda mais em Nova York com todas aquelas lojas e promoções.

    Tenho um limite de cartão de crédito de dez mil libras. Essa é verdadeira questão. Puxa, eles não me dariam se não achassem que eu não posso pagar, diriam?
    Novamente a obra é intercalada com os capítulos e as cartas que a Rebecca recebe, em sua maioria ofertas tentadoras de aumento de limite no cartão de crédito. 
    Os livros da Becky Bloom são o tipo de obra que te faz ler sorrindo, te arranca gargalhadas, por exemplo a situação em que ela resolve conhecer a Nova York em uma caminhada turística e acaba indo se afastando da turma e indo fazer compras.
    Becky é uma personagem encantadora, a qual tem a capacidade de se meter em encrencas e fazer as mulheres se identificarem com ela, afinal quem nunca desejou comprar algo que viu em promoção?
    Ainda não boto fé no casal protagonista, na verdade o casal não me agradou, adoro a Rebecca, contudo, acho que o Luke não valoriza ela tanto como ela merecia, devido ao fato de estar sempre trabalhando e nunca ter tempo para ela, embora ele tenha alguns momentos em que expressa um romantismo, acho que deveria ter outro candidato ao amor de Rebecca, entretanto, esse personagem ainda não apareceu. Mas a leitura me prende justamente por me identificar com a protagonista.
    Por ser um livro bem divertido, recomendo muito a leitura.

    Um comentário:

    1. Olá, Tainan!

      Nossa, faz um tempinho que não vejo nada sobre a Becky - para falar a verdade, nunca li nada dela, só vi o filme e chorei de rir, rs! Não me atrai muito em um livro, confesso - gosto de leituras um pouco mais densas, sei lá. E o Luke parece um babaca mesmo, senti pelas resenhas que ele vê a Becky como um troféu - machismo pouco? haha.

      Estou vendo que você está lendo mais um da Becky! E estou curiosa para saber o que achará! :D

      Muito obrigada pela resenha! Um abraço carinhoso,

      Ana Carolina Nonato
      Blog Seis Milênios

      ResponderExcluir

    Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo