26/07/16

O amor nos tempos de ouro, de Marina Carvalho (resenha)

Olá, leitores!

"O amor nos tempos de ouro" foi escrito pela brasileira Marina Carvalho, publicado pela Globo Alt em 2016 e contém 327 páginas. Adquiri o livro por já conhecer o trabalho da autora e ter apreciado muito  a narrativa dela em "Simplesmente, Ana" e não me decepcionei, acredito que "Amor nos tempos de ouro" foi o melhor que li dela até agora.

Foto: arquivo pessoal

Nas primeiras páginas do livro temos uma nota da autora explicando a pesquisa realizada por ela para escrever este romance de época que se passa no Brasil. Durante a leitura é nítido o embasamento que a autora tem para escrever sobre isso, pois vimos a linguagem usada na época, tanto por índios, escravos ou até os fazendeiros. 
O romance conta a história de Cécile, uma franco-portuguesa, que após perder os pais e irmãos, se vê a mercê de seu único parente vivo, um ganancioso tio. Este, após um acordo, a promete em casamento para Euclides, o cruel e poderoso dono de Terras em Minas Gerais. Após desembarcar no Rio de Janeiro, Cécile se encontra com Fernão, o encarregado de ajudá-la no trajeto até as Minas Gerais. Durante a viagem, acaba surgindo um sentimento entre eles. 

Se essa fosse a verdadeira personalidade de Cécile, Fernão já calculava a intensidade do sofrimento a que ela seria submetida ao se unir ao mais poderoso, além de inescrupuloso, senhor das terras, minas e escravos da capitania das Minas Gerais.
Foto: arquivo pessoal


Cécile é uma protagonista forte, criada de forma mais moderna pelos seus pais, sempre quis casar por amor, por isso, não se deixa abater e tenta lutar contra seu destino. Está longe de ser a mocinha conformada, que aceita tudo, como estamos habituados a ver. Também se mostra humana quando vê as injustiças que ocorrem com os escravos e tenta se rebelar contra isso. Além disso, os demais personagens, inclusive os secundários, são bem desenvolvidos. A obra mostra a realidade da época, seus  pontos positivos e negativos. A escravidão é retratada por meio da personagem Malikah, uma escrava que engravidou do patrão. 

- Úrsula, eu não me preocupo muito com que as pessoas pensam a meu respeito. Sou assim desde sempre. Nem mesmo maman ou papa conseguiram corrigir esse defeito em mim.
Foto: arquivo pessoal

A narrativa é predominantemente em 3ª pessoa, porém, temos as cartas que Cécile escreve para a sua falecida família, nas quais podemos compreender melhor os sentimentos da personagem com relação ao que está vivenciando no momento. Vale ressaltar que, no início de cada capítulo temos um trecho de obras de autores brasileiros consagrados, tais como: Carlos Drummond de Andrade e Gonçalves Dias. Me senti no Brasil de antigamente, as descrições foram tão bem realizadas que viajei para o passado através da leitura. (Se souberem de outro livro nesse estilo, que se passe no Brasil, me indiquem nos comentários).
Já leram? Gostaram? Pretendem ler? Conhecem o trabalho da autora Marina Carvalho? Gostam de romances de época? Comentem.

22/07/16

Procurando Dory

Olá, leitores!

Sempre gostei do  "Procurando Nemo", é uma das minhas animações preferidas: minha personagem favorita sempre foi a Dory, a simpática peixinha com perda de memória recente, que mesmo em meio das dificuldades continua a nadar... Por isso fui ao cinema, na companhia da minha prima Júlia, para conferir ao filme.

Dory quando criança. Créditos: Pixar

A obra cinematográfica é tão bem feita que tive a impressão de que a continuação foi planejada desde o início, pois entendemos porque Dory tem essa personalidade já apresentada em Procurando Nemo, na continuação vimos porque ela fala "baleies" e porque tem o lema "continue a nadar". Também entendemos como ela conheceu o pai do Nemo, assim se envolvendo na aventura de procura-lo.

Créditos: Pixar

No "Procurando Dory" a protagonista se lembra de que tem família e como se perdeu dos pais e também de onde morava, logo, decide sair a procura de seus pais, levando consigo Nemo e Marlin. O enredo é simples, mas repleto de ação e confusão, afinal, atravessar novamente o oceano  não poderia ser tão fácil. Além dos personagens conhecidos do "Procurando Nemo", também somos apresentados a novos, como o simpático Geraldo.
O filme é repleto de cenas de ação, engraçadas e emocionantes. Como sempre, podemos tirar lições para a vida, afinal: continue a nadar!

Trailer:

Já assistiram ao filme? Gostaram? Pretendem assistir? Comentem.

20/07/16

Lançamentos da Editora Gente e Única: julho

Olá, leitores!

Vamos conferir os lançamentos das editoras Gente e Única, parceiras do blog:

Fique com alguém que não tenha dúvidas:

Desnecessário dizer que todo mundo já teve uma história amorosa que deu errado. E se ainda não teve, um dia vai ter. Mas por que isso acontece com tanta gente e com tanta frequência? Falta de
Créditos: Editora Única
sorte? Dificuldade em dialogar? Falta de leitura do outro? Nada disso. A verdade é uma só: quando desejamos muito uma pessoa, ignoramos todos os sinais, os aprendizados e a experiência que temos e insistimos cegamente, mesmo que as chances estejam contra nós.
Sim, a paixão nos faz crer nas desculpas mais esfarrapadas e a descrer nos avisos mais óbvios, e então nos boicotamos tentando acreditar na ilusão de que dessa vez vai ser diferente. Nunca é.
Marina Barbieri está há anos tentando impedir suas leitoras de se enganarem. Autora do Deu Ruim, um dos blogs sobre relacionamentos de maior sucesso no Brasil, Marina Barbieri fala neste livro sobre tudo aquilo que no fundo você já sabe, mas se recusa a assumir. Você vai conhecer personagens que provavelmente já deve ter encontrado, como o sr. Feito-Para-Casar, o sr. Distância e o sr. Problema, entre tantas outras figurinhas que estão perambulando por aí e vez ou outra atravessam a sua vida. 
Prepare-se para alternar entre rir alto e chorar baixinho com crônicas da vida de todos nós quando se trata de amor (ou da falta dele). Marina Barbieri compartilha com seus leitores as roubadas amorosas da própria vida, mostrando que amar pode ser mais simples do que nós fazemos parecer.
 

Casa organizada:

Este livro veio para desmitificar a ideia de que é preciso investir muito tempo na casa para deixá-la
organizada. 
Créditos: Editora Gente
Thais Godinho defende que a organização da casa não precisa – nem deve – ser uma tarefa desgastante. Você também se sente frustrado por ver seu tempo perdido em arrumações que logo serão perdidas? Sua casa vira uma bagunça pouco tempo depois de você colocar tudo no lugar? Aqui você verá que organizar a casa é fazer dela um lugar que funcione para você. É transformar o lugar no qual você mora em um refúgio para aproveitar os dias e que faça você ter vontade de voltar. Aqui você verá que é possível ajustar as expectativas em relação à casa de acordo com o seu estilo de vida sem deixar de lado a satisfação de ter um lugar com a sua cara.
Depois de ler este livro, você terá a certeza de que é possível ter uma casa organizada mesmo com uma rotina cheia de compromissos e sem precisar contratar alguém para ajudar. 
  • Aprenda a manter sua casa organizada por meio de simples ações diárias; 
  • Crie um sistema de organização em que todos participem;
  • Saiba como aliar cuidados com a casa ao trabalho e aos estudos;
  • Tenha, de uma vez por todas, a casa que sempre sonhou.

Relacionamento, influência e negócios:

Muitas pessoas vivem como se estivessem esperando a grande oportunidade para finalmente
Créditos: Editora Gente
conseguir realizar o sonho de ter o próprio negócio. No entanto, quase sempre as oportunidades estão batendo à porta há bastante tempo, sem ser percebidas. A área de vendas por relacionamento (ou vendas diretas) tem sido a grande chance de muita gente, e pode ser a sua também. 
Neste livro, você aprenderá tudo o que é necessário para realizar seu sonho e atingir seus objetivos. Você é o responsável pela sua vida, e aqui saberá como fazer acontecer! Márcio Giacobelli não tem fórmulas mágicas, mas tem algo igualmente valioso: conhecimento de especialista. Ele apresenta inúmeras possibilidades. Caberá a você decidir qual caminho seguir.
  • Saiba como melhorar os negócios e ganhar qualidade de vida;
  • Mude sua vida por meio das vendas por relacionamento;
  • Revolucione sua forma de trabalhar; 
  • Aprenda a reconhecer grandes oportunidades; 
  • Visualize tudo isso com o auxílio de vários infográficos interativos.

O que acharam dos lançamentos? Comentem.
Eu curto literatura. Todos os direitos reservados.© - Powered by Blogger. imagem-logo